Unium e Tetra Pak fecham acordo para construção de queijaria de alta tecnologia


A Tetra Pak, fechou acordo para equipar o laticínio da Unium, marca que representa a intercooperação entre as cooperativas Frísia, Castrolanda e Capal. Avaliada em cerca de R$ 460 milhões e com inauguração prevista para 2023, a nova planta será instalada no município de Ponta Grossa (PR) e será dedicada à fabricação de queijo Muçarela, Prato, Cheddar e Cagliata. O investimento marca a entrada da Unium no mercado de queijos.

“A nova operação marcará a expansão do nosso negócio e o ingresso em novos mercados. Estamos trabalhando com soluções de ponta que tornem a nossa operação uma referência em qualidade e modernidade na indústria brasileira de laticínios”, diz Edmilton Aguiar Lemos, Superintendente de Operações Lácteas da Unium.

O sistema de tratamento do leite e fabricação do queijo será inteiramente fornecido pela Tetra Pak. Inicialmente, o projeto prevê a captação de até 800 mil litros de leite por dia, convertidos em 80 toneladas de queijo, o que fará da queijaria umas das principais do país em capacidade de produção.

“O grande destaque deste projeto é a diversificação de portfólio de produtos para além do leite UHT, investindo em inovação com tecnologia de ponta, em uma categoria que apresenta uma demanda crescente do consumidor brasileiro”, diz Gustavo Minasi, da Tetra Pak.

O escopo contratado inclui todas as etapas de processamento do leite para queijo, incluindo coagulação, drenagem e acidificação, filagem, formação de blocos, resfriamento e salmoura. O acordo também prevê o fornecimento de tecnologias complementares para o tratamento do soro gerado na queijaria -- viabilizando a produção de WPC com 35%, 50% e 80% de concentração. O WPC é um concentrado proteico bastante utilizado na indústria de ingredientes para a formulação de bebidas com alto teor de proteína.


15 visualizações0 comentário