Itacolomy apresenta ao mercado seu novo posicionamento de marca


A Itacolomy está na memória de diferentes gerações. Como todo clássico que resiste ao tempo, está repleta de histórias de empreendedorismo, inovação e de amor com seus consumidores. Pioneira na produção de manteiga no Brasil, é considerada a fábrica mais antiga em atividade no país.

A primeira unidade fabril foi fundada em 1899, na Fazenda Bahia, em Andrelândia/MG. Atualmente, a produção é realizada na moderna planta industrial situada em Trindade (GO) e até hoje preserva a receita centenária, preferida de milhares de famílias.

O resgate desse legado é parte das iniciativas conduzidas integralmente pela UltraCheese, plataforma que adquiriu a Itacolomy no começo de 2021 e que já é detentora das marcas Cruzília, Búfalo Dourado e Lac Lélo.

Entre os atributos gráficos reconhecidos pelo público, as cores primárias vermelho e amarelo predominantes, assim como o logotipo, estão mais evidentes com tendências minimalistas, que proporcionam maior destaque e rápida identificação. “Na prática, a mudança reduziu o número de elementos visuais, oferecendo maior intensidade e destaque para a marca”, acrescenta o COO da UltraCheese, Edson Martins.

Além dos elementos gráficos, a cultura de marca está muito viva na memória afetiva do público. A confiança na qualidade de uma receita centenária, que remete ao sabor natural e puro dos bons tempos na fazenda, o hábito de consumo arraigado e transmitido de geração em geração, são conceitos presentes na vida do consumidor.

10 visualizações0 comentário