Adimax adota embalagem antiviral para petfood


A Adimax anunciou o uso de embalagens com antiviral para petfood. A novidade reforça os hábitos adquiridos pelos consumidores durante a pandemia, buscando preservar a saúde e a segurança. Segundo a empresa, a embalagem é capaz de reduzir o número de partículas virais infecciosas que têm contato com a superfície.

“Nosso novo projeto é resultado da busca constante da Adimax por alternativas para aprimorar seu produto final, alinhado ao seu propósito de cuidar das pessoas, assegurando o bem-estar e a saúde dos consumidores”, explica Leonardo Dalmagro, gerente de desenvolvimento de embalagens da Adimax.

A nova embalagem com aditivo antiviral da Adimax é produzida pela Canguru, pela Incolpast e pela Plastrela. O produto com aditivo libera íons que atacam o vírus, provocando a ruptura e decompondo a membrana que o reveste, onde ficam todas as informações genéticas que permitem que ele entre nas células humanas. Desfeita essa membrana, o vírus deixa de existir, eliminando o risco de infecção.

Além de reduzir a propagação da Covid-19, o aditivo tem eficácia de 99,68% contra bactérias, fungos, mofo, algas e bolor, comprovada por análise laboratorial da Unicamp.

As embalagens são aprovadas pela Anvisa para contato com os alimentos, pois o antiviral é aplicado e tem ação apenas na camada externa, não comprometendo a qualidade do seu conteúdo.

11 visualizações0 comentário