top of page

A STADLER projeta e instala uma planta de embalagens leves em Portugal



A STADLER Selecciona S.L.U. (uma subsidiária da STADLER Anlagenbau GmbH) projetou e instalou uma planta de embalagens leves para a Valorsul para aumentar a capacidade e simplificar a operação em sua instalação de tratamento de resíduos do Centro de Triagem do Oeste em Cadaval, no distrito da Grande Lisboa, em Portugal.

A Valorsul, empresa líder no setor ambiental, é responsável pelo processamento de cerca de 850.000 toneladas de resíduos urbanos produzidos anualmente em 19 municípios da Grande Lisboa e da Região Oeste. A empresa escolheu a STADLER para o projeto e instalação da atualização e otimização substancial da planta de triagem em seu Centro de Triagem do Oeste, uma das duas instalações de tratamento de embalagens leves que opera. Com esse projeto, a Valorsul pretendia aumentar a capacidade de produção da instalação, mantendo a alta pureza de seus produtos, além de simplificar sua operação. António Afonso, Gerente da Planta de Reciclagem da Valorsul, explica: "Escolhemos a STADLER devido à qualidade e ao detalhamento dos estudos apresentados. Além disso, as visitas que fizemos a várias instalações projetadas pela STADLER nos permitiram verificar a qualidade do equipamento e de sua montagem".


A nova planta oferece maior capacidade de produção com alto grau de pureza


O processo começa com a entrada dos resíduos em uma cabine de classificação de itens volumosos e rasga-sacos antes de passar por dois separadores balísticos STADLER STT2000 que separam os materiais flexíveis e 3D. A recuperação de filme da fração de flexíveis é aprimorada com o uso de um novo sistema de aspiração e separadores balísticos STT2000 com ventilação forçada. Os metais são recuperados dos materiais 3D a partir da separação balística com novos separadores indutivos e eletromagnéticos, e classificados em metais ferrosos e não ferrosos, enquanto os classificadores óticos recuperam garrafas PET, HDPE, Tetra Pak e uma mistura de plásticos. Um classificador ótico da planta original é usado para realizar um controle de qualidade automático das frações de PET, HDPE e Tetra Pak.

"Para aumentar a capacidade da instalação e, ao mesmo tempo, manter a alta qualidade da produção, substituímos o separador balístico da planta original por dois separadores balísticos STT2000 e instalamos classificadores óticos de maior capacidade com a mais nova tecnologia. Também incluímos duas novas cabines de triagem para simplificar a classificação manual e o controle de qualidade", diz Carlos Manchado Atienza, Diretor de Vendas Internacionais da STADLER.

コメント


bottom of page