top of page

Owens-Illinois anuncia parceria com a startup Coletando e inaugura ponto de coleta


A Owens-Illinois (O-I), líder mundial na fabricação de embalagens de vidro, anuncia parceria com a Coletando – empresa de referência no mercado de logística reversa, inclusão de catadores e geração de renda – e implanta um ponto de coleta em Ermelino Matarazzo, próximo à sua fábrica, para captar vidro. Dessa forma, a empresa vai impulsionar o processo de reciclagem na região, promovendo a sustentabilidade e a economia circular. 

“É preciso viabilizar a reciclagem de vidro não só de grandes geradores, cooperativas e aterros, mas também nas comunidades, bairros e periferias. Por meio dessa iniciativa, visamos transformar o cidadão comum em agente ambiental remunerado. Com isso, além de aumentar a coleta de vidro para reciclagem e diminuir a falsificação de bebidas, trabalhamos o pilar educacional dentro da residência do consumidor, criando uma cultura de reciclagem junto com um benefício tangível e que traz autonomia de escolha a toda família, bem como às cooperativas de catadores participantes do projeto”, ressalta Alexandre Macário, gerente de economia circular da O-I. 

A população também pode depositar outros materiais no ponto de coleta, como plástico, papel/papelão e metais, entre outros. Esses resíduos serão direcionados para a Coletando, que dará a eles a correta destinação, estimulando a geração de renda. 

“Uma das principais contribuições é o trabalho de inclusão social dos catadores de materiais recicláveis e cooperativas. Nós reconhecemos a importância desses profissionais na cadeia de reciclagem e buscamos valorizar seu trabalho, oferecendo condições dignas por meio do desenvolvimento de soluções tecnológicas inovadoras para otimizar a coleta, a separação e a destinação correta de resíduos. Com sistemas de rastreamento e monitoramento, conseguimos acompanhar todo o processo de logística reversa, garantindo transparência e eficiência em cada etapa”, comenta Saulo Ricci, CEO e fundador da Coletando. 


Cashback

O modelo de negócio da Coletando consiste em gerar o real sistema de logística reversa. Ao receber embalagens pós-consumo limpas e separadas por tipo, a startup paga pelo material e garante um ciclo de utilização, reutilização ou reciclagem, legítimos.  

O cashback varia de acordo com o tipo de material e é pago de acordo com o peso entregue. Quando a pessoa faz o cadastro, vai acumulando saldo em material entregue e recebe um cartão. A partir das próximas entregas, a pessoa recebe o pagamento pelo cartão ou por pix de acordo com o peso do material depositado. Dessa forma, gera nova moeda em um produto que antes tinha no lixo, sua colocação final, dependendo apenas de sua decomposição e, muitas vezes, contaminação de solo. 

bottom of page