top of page

O papel de lubrificantes de grau alimentício


O processo de peletização, no qual os farelos são transformados em grânulos após serem submetidos a tratamentos térmicos, é extremamente importante para auxiliar na qualidade nutricional do alimento, reduzindo os microrganismos da ração e ajudando a manter a saúde do rebanho.

O processamento inadequado dos farelos pode prejudicar o animal, impossibilitando sua digestibilidade e perdendo os valores nutricionais essenciais para seu desenvolvimento. Além da escolha dos produtos de qualidade, o processo é de extrema importância, seja o vapor e o resfriamento, seja na eficiência das máquinas e, também, na utilização de um lubrificante de grau alimentício, que não contamina a ração.

Os lubrificantes de grau alimentício são aqueles utilizados no processamento de alimentos que usam equipamentos e máquinas com partes móveis e lubrificadas. Os produtos precisam ter um registro específico para garantir a segurança e a qualidade dos alimentos.

Os lubrificantes de grau alimentício são produtos que podem entrar em contato com a produção, sem oferecer risco perigoso de contaminação cruzada. O uso de produtos não permitidos pode acarretar recalls de lotes, perdas financeiras e prejuízos para a imagem da marca”, explica Luiz Maldonado, CEO da Lubvap Special Lubrificants.4

Além de garantir a qualidade da ração e evitar que os animais sejam afetados pelo uso de produtos tóxicos para a saúde, os lubrificantes de grau alimentício ajudam no bom funcionamento dos equipamentos, já que são compostos por pequenas engrenagens capazes de comprimir os farelos.

Comments


bottom of page