Ball inaugura painel gigante feito com 1.400 latas de alumínio no metrô Sumaré


Até o dia 9 de junho, um painel de 11,3 metros, produzido com aproximadamente 1.400 latas de alumínio, vai declarar seu amor pelos oceanos na passagem da Unibes Cultural para o metrô Sumaré, em São Paulo. A ação é realizada pela Ball Corporation, em parceria com a Unibes Cultural, e traz um retrato do fundo do mar de Fernando de Noronha (PE) para a cidade, em uma reprodução em alta qualidade de uma das obras do fotógrafo Marcelo Krause, mundialmente reconhecido pelos registros subaquáticos.

A foto retrata uma tartaruga-de-pente em seu habitat natural, acompanhada da frase “Nosso amor pelo oceano é infinito”. A instalação é um convite às pessoas para repensarem escolhas de consumo e buscarem alternativas mais sustentáveis para a preservação dos ecossistemas. Servindo como uma experiência sustentável, a obra é composta por latas de alumínio, embalagem que, no Brasil, é amplamente consumida, com cerca de 33 bilhões de latas produzidas anualmente, e reciclada de maneira abundante, com taxa de 98,7%. Em parceria com o centro cultural localizado na Oscar Freire, a Ball também instalou um painel de 5 metros dentro do museu e está preparando uma surpresa para o Dia Mundial dos Oceanos, no dia 8 de junho. Todos os que visitarem o local poderão escanear um QR code posicionado junto à obra e, então, navegar por uma página online com conteúdo ambiental e dados sobre o painel.

“No Brasil, um dos países que é referência mundial em reciclagem de alumínio, esse nosso amor cultural pelas praias deve se tornar consciente. Nós precisamos cuidar dos oceanos. Esse painel é emblemático por ser montado com latas de alumínio, que têm um índice de reciclagem de quase 99% no país, e tem um ciclo de vida real e circular, sem desperdícios em aterros ou, pior, no meio ambiente”, conta Estevão Braga, diretor de Sustentabilidade da Ball para América do Sul.

10 visualizações0 comentário