top of page

Schneider Electric utiliza gêmeos digitais para ajudar as empresa


A Schneider Electric, líder na transformação digital de gerenciamento de energia e sustentabilidade, oferece soluções para gerenciamento de energia e eficiência energética em diversos setores industriais. Atualmente, uma de suas soluções mais inovadoras é o uso de gêmeos digitais para ajudar as empresas a maximizar a eficiência e a produtividade.

Os gêmeos digitais são uma tecnologia inovadora que permite criar uma réplica digital de um sistema ou processo físico. Essa réplica é criada a partir de dados de sensores e equipamentos conectáveis como medidores, relés de proteção, UTRs, Disjuntores etc., somado com a modelagem e simulação, permitindo que as empresas visualizem e gerenciem seus processos de forma mais precisa e eficiente.

Para entender melhor o que é o Gêmeo Digital, pode-se fazer uma analogia aos sistemas de mapas de ruas. No passado utilizava-se mapas estáticos impressos em papel para se locomover pelas cidades. Depois, esses mapas foram digitalizados e passou-se a traçar rotas de forma digital, através de simulações com informações pré-definidas, porém sem informações de tempo real. Hoje não só é possível traçar rotas de forma digital como também saber qual é a melhor rota a ser seguida baseada nas condições de trânsito do momento, recalcular a rota em casos de incidentes ou até mesmo definir uma melhor rota para uma viagem futura utilizando dados estatísticos.

O Gêmeo Digital Elétrico é equivalente aos aplicativos de mapas, onde pode-se substituir os mapas e ruas pelos unifilares elétricos, o GPS e os usuários dos aplicativos de mapas atuais pelos equipamentos conectados. Dessa forma pode-se utilizar os Gêmeos Digitais para diversas aplicações, sendo uma das principais a simulação

Uma das principais aplicações dos gêmeos digitais é na manutenção preditiva. Com a ajuda de sensores e dados de ativos físicos, as organizações podem criar modelos digitais que preveem quando uma máquina precisará de reparo, permitindo que as equipes de manutenção atuem proativamente antes que ocorra uma falha. Isso pode reduzir significativamente o tempo de inatividade e os custos associados à manutenção corretiva.

Além disso, também podem ser usados para otimizar processos industriais, como um modelo digital de uma linha de produção, que pode ser usado para simular e testar diferentes cenários, permitindo que as empresas identifiquem áreas de ineficiência e implementem mudanças para aumentar a produtividade.

O Rafael Cesar Medeiros Soares, Digital Grid LATAM da Schneider Electric, aponta que existem desafios na implementação de soluções de gêmeos digitais. As empresas precisam ter uma infraestrutura de sensores, equipamentos conectáveis e redes de comunicação confiáveis para coletar e transmitir dados em tempo real. Além disso, é necessário investir em ferramentas de análise e modelagem para criar modelos digitais precisos e eficazes.

bottom of page