Nestlé investirá mais de R$ 1,8 bilhão no Brasil em 2022


Os investimentos da Nestlé Brasil vão ultrapassar a marca de R$ 1,8 bilhão este ano. Esse valor representa quase o dobro do volume investido em 2021: R$ 936 milhões. Somando os últimos quatro anos (2018-2021), os investimentos no Brasil atingem R$ 2,8 bilhões. Desde 2018, ocorreram aportes de R$ 633 milhões, R$ 547 milhões (2019) e R$ 750 milhões (2020). Os investimentos da Nestlé Brasil vão ultrapassar a marca de R$ 1,8 bilhão este ano. Esse valor representa quase o dobro do volume investido em 2021: R$ 936 milhões. Somando os últimos quatro anos (2018-2021), os investimentos no Brasil atingem R$ 2,8 bilhões. Desde 2018, ocorreram aportes de R$ 633 milhões, R$ 547 milhões (2019) e R$ 750 milhões (2020).

Para 2022, 40% do total a ser investido -- R$ 730 milhões - terão como destino a construção da nova fábrica de Nestlé Purina em Vargeão, no Oeste de Santa Catarina, já iniciada em janeiro. Nesse primeiro ano de obras do projeto industrial, os investimentos são para a parte construtiva.

Aproximadamente R$ 1,1 bilhão está previsto para as operações na indústria, como novas tecnologias, transformação digital e processos sustentáveis nas fábricas e, ainda, na cadeia logística. Desse total, 90% estão direcionados a novas linhas para ampliação de capacidade, maior produtividade e inovação em produtos, além de investimentos com foco ambiental, como soluções em eficiência energética e uso de biomassa em substituição a gás. Os demais recursos serão dirigidos a melhorias em vendas e logística de distribuição, gestão e recursos relacionados com tecnologia e atividades administrativas. Apenas em inovação em produtos e embalagens, estão previstos R$ 239 milhões.

Entre os projetos prioritários para 2022, além do investimento em Purina, estão os aportes em transformação digital e indústria 4.0, com robôs e tecnologias que trazem maior eficiência e produtividade, além de adequações de infraestrutura para novas tecnologias, principalmente nas plantas de Araras (SP), Caçapava (SP), Ituiutaba (MG) e Montes Claros (MG).

7 visualizações0 comentário