top of page

Manga, pitaya e pêssego: cervejaria de Curitiba (PR) ganha destaque com cervejas “exóticas”

Way Beer ganha destaque nacional com receitas originais que incluem frutas, valorizando aroma e notas intensas


O setor de cervejas especiais tem vivido uma fase criativa sem igual. Com a popularização das produções independentes e a consagração da cerveja como produto de qualidade, o cenário brasileiro tem notado um crescimento de criações únicas por cervejarias dedicadas à qualidade das cervejas. A premiada cervejaria paranaense Way Beer é uma das que vem apostando em uma conhecida, mas pouco difundida, inovação: a adição de frutas em suas receitas.

Além de trazer intensidade em maltes e lúpulos, as cervejarias brasileiras viram nas frutas um ramo de possibilidades interessantes e cheio de criatividade. Fugindo do óbvio, o uso de insumos que vão do cítrico ao adocicado realçam aromas e notas marcantes nas cervejas. A Way apresentou, entre 2023 e o começo de 2024, uma sequência de produções autorais nesse sentido.

Destaque em todo o Brasil, a Sour Pitaya aproveita a popularidade recente da pitaya para apresentar uma cerveja colorida e refrescante. A fruta, natural do México, chegou muito recentemente ao país e vem chamando atenção, especialmente a variedade de casca rosa e parte interna rosa ou branca. Essa cor é transposta para a cerveja, com toque translúcido e muito vivo e aroma cítrico. De baixo amargor, tem teor alcoólico de 4,5%.

Já a Saison com Pêssego em Calda valoriza a doçura da fruta em calda. O estilo belga, que valoriza frutas sazonais, valoriza notas olfativas. A criação da Way Beer tem baixo amargor e teor alcoólico de 7,2%. Leve e refrescante, traz complexidade para uma cerveja fácil de apreciar. Outro rótulo da cervejaria paranaense que se destacou no mercado nacional foi a IPA Manga. No estilo American IPA, traz forte presença de lúpulos americanos e aroma potente como a fruta. A receita leva polpa de manga, intensificando suas notas, e atinge 7% de graduação alcoólica.

12 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page