Hologramas em alimentos abrem portas à inovação


As notícias recentes de que hologramas podem ser “impressos” em alimentos mostram como a inovação continua a empurrar os limites da tecnologia, de acordo com a International Hologram Manufacturers Association (IHMA).

O assunto surge de relatos dos EUA de que cientistas moldaram hologramas comestíveis no chocolate. Atualmente, o processo funciona apenas para certos tipos de confecção, mas o desenvolvimento pode abrir uma série de possibilidades futuras interessantes em torno do controle e rotulagem de alimentos, diz a IHMA.

A organização acredita que os hologramas comestíveis podem oferecer uma maneira segura, rápida e econômica de “imprimir” mensagens importantes sobre os alimentos – eles podem ser usados ​​para garantir melhor segurança alimentar, melhorar a rotulagem dos alimentos ou indicar mais claramente os ingredientes e o teor de açúcar.

Quando atingida pela luz, a luz é difratada em um padrão de arco-íris, com cores diferentes aparecendo em diversos ângulos de visão. A intensidade e a gama de cores podem ser controladas variando o espaçamento entre as linhas na grade ou o teor de açúcar do xarope de milho.

12 visualizações0 comentário