Embalagens em EPS proporcionam mais leveza e segurança no e-commerce e na exportação de móveis


O Brasil é 6º maior produtor mundial de móveis, setor que agrega 18,5 mil empresas, sendo responsável por um faturamento R$ 69,9 bilhões (reais). As exportações geram uma receita em dólares de US$ 644 milhões, sendo os principais destinos os Estados Unidos, Reino Unido, Uruguai e Peru. No mercado interno, a comercialização de itens de mobiliário via e-commerce também vem crescendo. Para atender a demanda, empresas fabricantes e distribuidoras estão cada vez mais se atentando a um aspecto importante para o sucesso de suas operações: a escolha de embalagens que garantam a proteção do mobiliário durante o transporte para evitar avarias e prejuízos por conta de produtos danificados.

À medida que as compras no varejo digital avançam e aumenta a pressão para diminuir os custos com os fretes nacionais e internacionais, cresce também a necessidade por embalagens de alta proteção mais leves e mais seguras. Atendendo à essas demandas, o conceito iPack desenvolvido e patenteado pela Termotécnica tem todos os atributos de preservação e proteção requeridos os canais de venda e escoamento de produtos. Pensado de forma a unificar plataformas de produtos e simplificar processos de embalamento, o iPack permite a distribuição de produtos pelos mais diversos modais de transporte, sendo em cargas fechadas ou fracionadas.

Os ganhos da embalagem em EPS já iniciam na linha de produção do cliente. Com uma estrutura leve e segura, contribui para a ergonomia do processo. O design possibilita simplificar o número de operações além de otimizar insumos, aumento da capacidade de armazenamento e transporte. As embalagens inteligentes iPack são projetadas para serem flexíveis, adaptando-se a necessidade de cada cliente. Para isso, a Termotécnica com uma equipe de engenharia e desenvolvimento que atua em todo o ciclo da produção da embalagem, fazendo o atendimento especializado e o acompanhamento de todo o processo interno do cliente até o pós-venda.

12 visualizações0 comentário