Diretora do Ital está na lista da Forbes das 100 mulheres mais poderosas do campo


A diretora geral do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital-APTA), Eloísa Garcia, integra lista da Forbes das 100 mulheres mais poderosas do campo. Eloísa é pesquisadora do Instituto, ligado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, há 38 anos e em 2019 assumiu a diretoria geral, sendo a primeira mulher a liderar o Instituto.

De acordo com a Forbes, a seleção de nomes para compor a lista levou em conta o destaque do trabalho das mulheres nos mais diferentes setores do agronegócio, como produção de alimentos de origem vegetal e animal, academia, pesquisa, empresas, foodtechs, consultorias, instituições financeiras, política, entidades e grupos de classe, além das redes sociais. O objetivo foi homenagear as mulheres que atuam no agro no Dia Internacional da Mulher Rural, comemorado em 15 de outubro. A escolha dos nomes foi feita a partir de pesquisas, orientações de lideranças e informações em reportagens especiais.

"Fico muito feliz, pois é um reconhecimento do valor da pesquisa em prol da valorização do agro e da indústria de alimentos. Mais ainda é uma homenagem para todas as pesquisadoras da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA)", comemora.

Eloísa Garcia é engenheira de alimentos e mestre em tecnologia de alimentos pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), tendo em seu currículo diversos cursos complementares no Brasil, Estados Unidos, Inglaterra e Japão. Ao longo de sua carreira, já publicou 33 artigos completos, 18 trabalhos em anais, 11 livros e 32 capítulos de livros.

8 visualizações0 comentário